quinta-feira, abril 21, 2011

Diferenças entre luminosidades das lanternas e lampadas

pergunta: qual o melhor tipo de lâmpada - a incandescente ou a led?
Cada lanterna tem propriedades diferentes por causa das lampadas  utilizadas, que são diferentes.
A lampada incandescente tem filamentos ( igual às lâmpadas comuns de casa) produz uma luz amarela e sofre aquecimento e portanto ela tem menor durabilidade porque sofre desgaste.
Já o led produz luz à partir da agitação dos elétrons e o desprendimento de fótons; a qualidade da luz é branca,  e a lâmpada tem durabilidade indeterminada pois não produz calor e não sofre aquecimento, economizando também a pilha. O led também tem um melhor foco e a luminosidade se mantem estável de acordo com a determinação do quanta de luminosidade de cada lampada, ainda que diminua a carga da pilha.
A diferença, além da qualidade na luminosidade são também a durabilidade e o tipo de tecnologia, por isso que ela é mais cara. Quanto maior a luminosidade mais cara é a lâmpada.
O efeito, em termos práticos é que a luz branca tem maior quanta luminoso em termos de potência, podendo ser reduzido o tempo de exposição  do ponto em tratamento e também tem poder maior de penetração.
O ideal é ter duas lanternas com lampadas diferentes e experimentar na prática, a qualidade de cada uma delas.
O preço pode ser um outro determinante na compra, portanto, a escolha fica de acordo com as suas possibilidades.
Uma boa páscoa pra vc e muita luz! Thais

segunda-feira, janeiro 31, 2011

A primeira Caneta

Meu interesse pela Cromopuntura começou em 1995, quando aprendi com uma amiga querida alguns protocolos para auto-aplicação.
Trabalhar em mim mesma com as luzes coloridas foi o inicio da minha caminhada pela Medicina Vibracional e as suas possibilidades.

Quando decidi me especializar em Acupuntura, fui motivada pelo desejo de me aprofundar nas origens teórica e filosóficas da Cromopuntura. E em 2005 quando preparava minha monografia de conclusão de curso em Acupuntura, muitos amigos incentivaram - tanto na escolha do tema: Um estudo comparativo da Cromopuntura; como também para iniciar a manufatura desta Caneta, que é a soma de todas as minhas experiências no campo das cores e da artesania.

Este convite para participar do Mundo da Criação, enriquece diariamente o meu trabalho e me enche de alegria.

Em cada estojo que eu produzo, vou sentindo os materiais, escolhendo, adaptando cada parte até que um conjunto da Caneta Cristal fique completo.

Cada um deles - dos sets, são únicos, diferente dos demais. Por isso é que cada Conjunto Cristal tem Alma própria.
Cada cristal de quartzo tem seus formatos distintos, são seres pulsantes ainda que pedras. Quem lida e gosta dos cristais compreende o que eu digo, porque eles falam com a gente. É uma energia sutil, mas muito poderosa.

Minha experiência com as cores vem dos tempos de infância. Desde cedo passava os dias entretida nos desenhos,e mais tarde meus estudos foram ligados com as artes. Cursei o antigo ginásio vocacional, depois um técnico em comunicação visual e por fim a Faculdade de Artes Plasticas. sempre estudando as cores.

domingo, janeiro 30, 2011

Efeito das Cores no Organismo Humano

Vermelho - Aumenta a ligação com a Terra e fortalece os impulsos vitais do chakra básico e a vontade de viver no mundo físico. Recarrega energeticamente. Ativa as glândulas supra-renais, coluna vertebral e rins. Cor ativa e estimulante, que transmite impulsividade, avidez, excitabilidade, impulso sexual e desejo. O vermelho favorece a força de vontade e a capacidade de liderança. A sua contemplação estimula a ação, a luta, a conquista. É a cor das pessoas possuidoras de magnetismo pessoal e de grande força vital psíquica e/ou orgânica, pessoas dinâmicas, instáveis, empreendedoras e às vezes violentas. O vermelho é preferido por preguiçosos e deprimidos. É rejeitado por pessoas agitadas e irritáveis. Estes sintomas podem aparecer mesmo quando há carência de energia, como nos casos de cansaço extremo.

Indicações Alterações cardiovasculares não congestivas, pressão baixa, insuficiência cardíaca, anemias, fraquezas nervosas, convalescenças, impotência sexual, frigidez, tristeza, depressão, melancolia, desinteresse pela vida e pelas coisas, excesso de práticas psíquicas (ioga, meditação, etc.), doenças musculares atróficas, paralisias musculares, preguiça e doenças debilitantes de uma maneira geral.

Contra indicações Ira, nervosismo, neurastenia, tensão emocional excessiva, pressão alta, excitação sexual, tensão pré-menstrual, paranóias, esquizofrenias com estados de agitação, fase maníaca da psicose maníaco-depressiva, cãimbras musculares, doenças do fígado e da vesícula biliar, insônia e excitabilidade exagerada.

Azul O azul é uma cor suave, que induz à calma, tranquilidade, ternura, afetuosidade, paz e segurança. Favorece as atividades intelectuais e a meditação. É uma cor passiva, concêntrica, perceptiva, sensível e unificadora. A contemplação do azul determina a profundidade, sentimento de comunhão no infinito, sensação de leveza e felicidade. É a cor preferida das pessoas calmas, seguras, equilibradas e leais. O azul estimula na personalidade a doçura, o equilíbrio, a sensatez e a ternura. É a cor da compaixão, da paz de espírito, da ética, da integridade e da confiança. Favorece a criação e a manutenção de um ambiente calmo nas nossas casas ou locais de trabalho. Num sentido mais profundo, o azul é a cor da nossa identificação com o planeta, que visto do espaço é azul. Nas suas tonalidades mais escuras, o azul é relacionado com o infinito profundo e a eternidade; nos seus tons mais claros, ao êxtase místico. Quando existe aversão ao azul pode significar confusão e instabilidade mental, inquietação, ansiedade, inconstância, orgulho e rebeldia.

Efeitos orgânicos Redução suave da frequência cardíaca, diminuição do ritmo respiratório, redução da pressão sanguínea, inibidor de descargas de adrenalina, ligeiro efeito hipnótico no sistema nervoso central. Com a redução dos ritmos cardio-circulatórios, respiratórios e nervosos, o organismo tem uma melhoria considerável no que se refere a energia.

Indicações Nos casos de stress, cansaço, convalescença, pressão alta, obesidade, taquicardia, palpitação, nervosismo, insónia, ira, irritabilidade, temperamento agressivo, ciúme, medo, insegurança, ansiedade, alcoolismo, convulsões, esgotamento nervoso, agitação psicomotora e neuroses.

Contra-indicações O azul não possui contra-indicações. Uma ligeira contra-indicação em casos de medos muitos acentuados ou fobias.

Preto É a falta da Luz.O preto transmite uma sensação de renúncia, entrega, abandono e introspecção. A sua condição de total ausência de cores relaciona-a simbolicamente com a idéia do nada, do vazio. Por isso expressa a concepção abstracta do zero, da negação, do espaço infinito, do não ser, do não (o branco dá a ideia do sim). Preto e branco são os tons extremos na escala dos cinzas e que estão ligados ao simbolismo cabalístico do alfa e do ómega, do princípio e do fim. O preto significa também o destino e a morte na civilização ocidental. Já no Oriente e na visão mística, o Preto é o útero que acolhe a Luz e engendra a Vida, aonde Tudo existe como possibilidade. Psicologicamente ele favorece a auto-análise e permite um conhecimento do indivíduo no seu processo existencial. As pessoas que preferem o preto ou têm atração por ele procuram a renúncia e o isolamento. É a cor predileta dos monges e outros tipos de religiosos, pois permite um maior contato com o inconsciente e com a vida interior, isolando das influências exernas o preto absorve a luz e proporciona sensação de calor.

Indicações O preto tem o efeito de isolar; por isso, muitas vezes é usado antes de uma aplicação específica, para neutralizar o paciente da influência das outras cores. Também pode funcionar como antídoto ao efeito indesejável de uma determinada cor. Tem ainda o curioso efeito de aumentar a capacidade de ação das outras cores, quando é aplicada simultaneamente com essas cores.

Contra-indicações O preto é contra-indicado, nas roupas, em caso de tristeza excessiva, depressão, melancolia, medo, senilidade e paranóia. Por isso, nunca deveria ser usado por pessoas que acabaram de perder um ente querido – o amarelo seria mais indicado. A tradição do uso do preto como a cor de luto era comum entre os sacerdotes durante as cerimônias fúnebres.

Cinzento Trata-se de uma cor neutra e isenta de influencias, já que é o equilíbrio entre o preto e o branco, exatamente o meio do espectro cromático, ou a tradução das cores em luminosidade. O cinzento não emite estímulo psicológico. Em qualquer tonalidade que se apresente, não produz nem tensão nem relaxamento: é neutro. Transmite essa mesma neutralidade que dá uma a sensação de equilíbrio e estabilidade. As pessoas que têm atração pelo cinza buscam o equilíbrio, a redução dos conflitos psicológicos e podem estar carentes de energia vital. O cinzento é o preferido por aqueles que procuram isolar-se do mundo ou não se identificam com os padrões e valores mundanos.

Efeitos orgânicos O cinzento não exerce influência sobre os órgãos e as funções orgânicas ou metabólicas.

Indicações O cinza é indicado quando se deseja reduzir uma tendência psicológica ou emocional. Ele ajuda a melhorar os defeitos do carácter através da auto-análise e do auto-conhecimento. O cinza melhora os temperamentos irascíveis.

Contra-indicações Nos casos de distanciamento da realidade, nas esquizofrenias, no autismo, em casos de memória fraca e desorientação no tempo e no espaço.

Castanho O castanho representa a estabilidade, a necessidade de segurança, a dependência, a disciplina e a uniformidade e desenvolvendo o sentido das responsabilidades. Como o castanho é uma espécie de vermelho escurecido, ele possui a vitalidade e a força impulsiva do vermelho, só que de forma atenuada pelo preto neutralizador. Assim, o castanho é uma cor que transmite uma vitalidade passiva. É uma cor indiferente, habitualmente preferida por religiosos e caminhantes. Por isso é que se diz que o castanho realça a importância das raízes, do lar e do conjunto social.

Indicações Nos casos de instabilidade, indisciplina, neurastenia, psicose maníaco-depressiva, atritos familiares e rebeldia infantil.

Contra-indicações Auto-disciplina excessiva, apego familiar exagerado, dependência afectiva, dependência psicológica à família ou ao grupo e ao isolamento.

Violeta O violeta é uma resultante da mistura do vermelho com o azul, conservando as propriedades de ambos, embora seja uma cor distinta. O violeta tenta unificar a conquista impulsiva do vermelho com a entrega delicada do azul. É a cor da identificação com o lado misterioso da vida. Permite a sensação de fusão entre sujeito e o objecto, entre o indivíduo e o todo. É, definitivamente, uma cor ligada ao encantamento, ao sonho, ao estado mágico da mente, aos desejos espirituais, ao deleite espiritual ou astral. O violeta é uma cor preferida mais pelas crianças ou por pessoas imaturas ou que estejam em processo de procura de um sentimento espiritual para as suas vidas. Mas isso não quer dizer que a escolha do violeta signifique falta de maturidade ou de dependência. Quem prefere o violeta é claramente sensível e delicado. É a cor das pessoas que têm insegurança emocional e uma certa instabilidade psíquica. O violeta é uma cor feminina, transmitindo misticismo, identificação cósmica, intimidade sensível, encantamento e irrealidade.

Efeitos orgânicos O violeta atua em diversos órgãos, produzindo equilíbrio entre o sistema simpático e parassimpático.

Indicações Carência afetiva, auto-destruição, crises de personalidade, materialismo excessivo, remorso e sentimento acentuado de culpa.

Contra-indicações Mistificação, manias, psicose, vícios de drogas, alcoolismo, hipoglicemia, fanatismo e dispersão mental.

Aplicações da cromoterapia As cores afetam profundamente as nossas energias vitais e as nossas emoções. Saiba como aplicá-las de modo a harmonizar os aspectos físicos e mentais. Na medida em que o nosso organismo se relaciona com o meio ambiente, recebe estímulos constantes sob a forma de cores e luzes. Isso sucede também com as plantas e os animais. A sensação de bem-estar, de amplitude, de serenidade e paz que experimentamos numa floresta não se deve apenas ao ar puro e ao aroma agreste, mas à grande influência que a cor verde exerce sobre as nossas vibrações mais sutis.

Confira os preços para 2012

Atenção! Alterados os valores a partir de novembro  2012 
escreva para saber! obrigada
thais.campiglia@hotmail.com

Sale informations!!!

I offer to you the following models and prices:

1. Rainbow Crystal Light Pen - set with 7 terminals in crystal whith base enameled in colors: yellow, orange, red, green, turquoise, blue and violet, actual cash value 133 UD + postage.

2. Vibrational Crystal Light Pen - set with 12 terminals in crystal with base enameled in colors: yellow, orange, red, green, turquoise, blue and violet, plus the higher octaves: purple, lime green, pink, blue translucent and spiritual. (Inspired by the esogetic model of Peter Mandel) in cash value 159UD + postage.

3. Joint Therapy Crystal set with 15 terminals in crystal with base enameled in colors: yellow, orange, red, green, turquoise, blue and violet, plus the higher octaves: purple, lime green, pink, blue, spiritual, + silver, gold, copper and translucent. (Inspired by the system esogétic of Peter Mandel) in cash value 179 UD + postage.


4. Cosmic Crystal Light Pen set with 17 terminal in crystal with base enameled in colors: yellow, orange, red, green, turquoise, blue, violet, the
higher octaves: purple, lime green, pink, blue (spiritual colors) + 1 gold, 1 silver, 1 translucent and 3 gray scale (light, medium and dark) acoording by Peter Mandel esgogetic model. Price in the cash value of 194 UD + postage.

5. Flashlight self light generation -adapted to the terminal crystal pointers sundry 23UD

6. peaces for replacement or complementation -

flashlight pen 23 UD unity
tip of colored crystal 9,50 UD unity,
rubber adapter 5,70 UD unity,
box and conditioner based on biomass 40 UD unity,


Also visit for more information:

http://colorterapia.blogspot.com/

http://cromoterapia.webnode.com/

http://www.slide.com/r/qEAnMCbSzj-cn4SeI2vY6o3Vxu7pLpUG?map=2&cy=ok

Thank you for your contact and I am available for further clarifications,

I await your order.
Lots of light!
If you want to talk to me personally use MSN or Skype - thais.campiglia @ hotmail.com

terça-feira, fevereiro 09, 2010

Esogética de Mandel

A Cromopuntura da Medicina Esogética - Método Peter Mandel por Elisabeth Monogios

História, Desenvolvimento e Comprovação Científica

Luz e Cores podem Curar

Muitos dos sistemas de antigas culturas tinham por base o fato de que luz e cores curam. Os gregos, os romanos, os hindus, os astecas e os chineses - todos eles consideravam o sol como fonte de luz e como uma divindade que podia curar. Desde tempos imemoráveis os raios de sol têm sido usados para doenças físicas e mentais. Uma conclusão lógica dos antigos era o fato que a cor, como parte da luz, tinha que ter os mesmos efeitos terapêuticos específicos. Os egípcios, por exemplo, erigiram templos de luz com aposentos de cores diferentes para curar determinadas patologias.
Cor é a fonte primária de vida e saúde. Cor é uma "língua" que as nossas células, que se comunicam entre si, entendem. O poeta e pesquisador Johann Wolfgang von Goethe tinha a mesma opinião. Ele considerava a sua teoria sobre a qualidade e as propriedades das cores, "filhas da luz", a sua obra mais importante. Ele afirmou, o que hoje é aceito cientificamente, que existem somente três cores básicas - vermelho, amarelo e azul - das quais todas as outras cores se originam.
Outro que tomou como base o postulado de Goethe para sua própria filosofia e terapias era Rudolf Steiner. Também Dinshah Ghadiali atribuiu grande importância às cores. Dinshah afirma que todas as doenças têm origem na falta ou o excesso de cores no nosso corpo. O balanceamento desta discrepância promove a cura. Em tempos mais recentes devem ser mencionados Finsen (prémio Nobel em 1903 pelo seu trabalho sobre terapia com luz e cores) e Rollier. Os dois formaram a base do que é hoje a terapia com luz e cores, o que até 20 anos atrás era geralmente limitado às aplicações de luzes infravermelhas e ultravioletas.

O Efeito Energético das Cores

As últimas pesquisas em biofísica confirmaram o fato que o indivíduo humano não possui somente um corpo material, mas que ele possui também um corpo energético. Isto foi provado há alguns anos pelo físico e pesquisador de biofótons F. A. Popp da Alemanha. Ele provou que este corpo energético consiste de fato de luz visível. As mais recentes descobertas levam a conclusão que o metabolismo celular por inteiro e a comunicação entre células e grupos de células seria simplesmente impensável sem luz. Popp provou que as células de todas as criaturas vivas emitem biofótons, i.é-, vibrações eletromagnéticas. Esta radiação representa um campo de força em volta do organismo e exerce grande influência em todo nosso processo bioenergético.
Independentemente das experiências realizadas por Peter Mandel com a cromopuntura, o Prof. Popp já havia feito pesquisas por muitos anos sobre as propriedades dos biofótons. A sua obra não somente oferece uma visão fascinante do mundo da cromopuntura, mas ela prova efetivamente o seu valor terapêutico.
O campo de biofótons é superior à matéria. De acordo com Popp, todas as influências que afetam o organismo humano, tanto do lado positivo como negativo, estão em relação com este corpo energético. Isto também se aplica para medicamentos e às várias substancias nos alimentos ou no ambiente, onde, mesmo em ínfimas quantidades, elas nos afetam. A razão para isto é que as freqüências das vibrações eletromagnéticas, mesmo na menor das partículas, se tomam efetivos no nosso corpo como informações.
Em física, uma vibração harmoniosa é o movimento regular de trás para frente num ritmo certo. O número de vibrações numa escala definida é chamado de freqüência. Há freqüências específicas, i.é., energias, que afetam o nosso corpo físico. Estas energias já foram mencionadas na medicina tradicional chinesa há milhares de anos. Para eles o homem é a conexão entre o céu e a terra. Os filósofos chineses atribuem o equilíbrio do corpo humano a uma força universal, a energia da vida chamada "Chi". O Chi é dividido em Yin e Yang, sendo que os dois existem no corpo humano como antagonistas que se complementam. Esta bipolaridade de Yin e Yang pode ser comparada aos pólos negativos e positivos da eletricidade. O positivo Yang é associado ao dia, ao calor, à luz e ao masculino, tendo como suas cores quentes - o vermelho, o laranja e o amarelo. A noite, o frio e o feminino, com suas cores frias azul, verde e violeta, é a parte negativa, Yin.
Em terapias naturais sabe se há bastante tempo que os impulsos mais sutis provocam os maiores impactos. Em homeopatia as chamadas "potências altas" têm um efeito mais profundo e mais prolongado. Por isso, a terapia com luz e cores é de suma importância para tratamentos holísticos. Cores, como vibração pura, representam nada mais de que as várias freqüências da luz visível. Estas vibrações provocam direta e indiretamente as mais diferentes reações no corpo, sendo que seu efeito é indiscutível.
Para poder estimular a auto-regulação (p.ex: o nosso sistema imunológico), o terapeuta deve introduzir no corpo uma certa informação equilibradora. Em cromoterapia isto acontece via pele (absorção celular), a qual, de acordo com as mais recentes pesquisas, absorve impulsos luminosos e/ou coloridos, análogo à retina dos olhos que transmite impulsos coloridos ao cérebro (absorção psíquica). A pele não somente protege e cobre o corpo, mas ela é também o receptor e conversor de todas as vibrações que nos cercam. Isto se aplica particularmente a um número de pontos e áreas na superfície da pele, que têm uma maior "receptividade". De acordo com as pesquisas de Peter Mandel, os pontos de acupuntura fazem parte destas áreas.

As Cores na Medicina Esogética

Luz e cores serão um fator importante na medicina do futuro. Mais e mais pessoas começam se perguntar sobre o porque deles estarem doentes e começam a procurar a raiz, a origem de seu problema. Estas pessoas compreenderam que podem se curar quando eles começam a entender que eles são um "todo", corpo, mente e espírito. Para que um tratamento tenha êxito, é necessário que o nosso enfoque esteja na pessoa e não na doença.
Cores são partículas individuais do espectro luminoso visível, sendo que as freqüências de cada cor são medidas em Nanômetros. Cada freqüência vibracional contem uma informação. Esta informação provoca um efeito específico no corpo, devido ao fato que a vibração da própria célula começa a entrar em ressonância com a vibração da cor que está sendo aplicada. Esta célula individual "aprende" como equilibrar desarmonias com a ajuda destes impulsos harmonizantes e ela volta a oscilar na sua própria freqüência. Como a cromopuntura é pura energia vibracional, ela é particularmente um meio útil para influenciar e equilibrar o nosso corpo energético.
A base importante da cromoterapia é o princípio da ressonância. A influência da absorção das cores pela retina acontece através do talamus opticus. Esta área (tálamo) é ao mesmo tempo também responsável pela informação introduzida via pele. Esta absorção via pele levou Peter Mandel a se valer dos pontos de acupuntura e de segmentos e pontos novos encontrados por ele. De fato, atualmente é possível aplicar e introduzir informações via pele, onde isto não é possível pela acupuntura ou por injeções. A aplicação destes estímulos segue certas regras. Peter Mandel testou durante anos a receptividade de cada ponto de acupuntura ou de segmento da pele, expondo-os a várias cores exatamente definidas, para testar sistematicamente a ressonância entre as cores em determinadas zonas e o seu respectivo órgão ou sistema. O resultado disto foi ter encontrado zonas, segmentos e pontos superiores hierarquicamente, que formam as assim chamadas somatotopias ou campos reflexos. Estes campos reflexos obedecem a uma certa ordem, ou seja, do mais denso ao mais sutil, principalmente nos setores emocionais/mentais. A combinação de pontos e zonas com a escolha específica das cores têm um efeito regulador na exata área que causou o problema. Resumindo: as nossas células que emitem luz, são passíveis de também receber luz reguladora. Células luminosas em desarmonia com o todo, causa de nossas doenças, podem se auto-regular pela ressonância através da aplicação de luz ou cores na pele. Por intermédio da aplicação de luz colorida em certos pontos de acupuntura ou zonas no corpo, podemos influenciar diretamente problemas físicos e psicológicos, causa das nossas doenças.

O Efeito das Cores

Mesmo que o olho do homem pode distinguir cerca de 169 nuances de cores diferentes, existem, todavia, somente 3 cores básicas - vermelho, amarelo e azul -das quais todas as outras cores de originam. Cada uma destas três cores têm sua cor secundária, como também sua cor complementar. As cores secundárias são a mistura de: vermelho com amarelo = laranja, amarelo com azul = verde, azul com vermelho = violeta. As cores complementares são: vermelho - verde, amarelo - violeta, azul - laranja. Elas também são divididas em cores frias e quentes, ou seja, vermelho, laranja e amarelo são cores quentes, ou Yang e azul claro, azul anil e violeta são cores frias. A cor verde tanto é fria como quente, é neutra, mas é a cor mais importante na cura. Se nós relacionarmos estas cores básicas e mais o verde com o quatro temperamentos, temos: o temperamento colérico que corresponde à cor vermelha; o temperamento sanguíneo vibra na cor amarela, o melancólico na cor azul e o fleumático vibra na cor verde.
Além das cores básicas do espectro cromático, a cromopuntura utiliza também frequências infravermelhas e ultravioletas, e as assim chamadas cores espirituais (turquesa claro, verde limão, púrpura e rosa). Como seu nome sugere, elas são usadas particularmente para atingir as causas subconscientes das doenças. Como a nossa mente e o nosso corpo formam um todo, podemos afirmar que 90% das queixas físicas têm a sua origem na mente, i.é., psicossomático. É a mente que comando o nosso corpo e é de suma importância encontrarmos a causa primária (mental/emocional/espiritual) de uma doença. Isto requer muito tempo e paciência, já que o indivíduo doente normalmente não é capaz de submergir ao seu subconsciente para trazer a tona a causa ao consciente, onde poderá ser tratado. Os tratamentos psicoterápicos têm, provavelmente, a desvantagem de o terapeuta ser uma pessoa humana, incapaz às vezes de ser objetivo quando se trata de detectar problemas através da verbalização. Luz e cores, em comparação, são informação pura, genuína que penetra tudo. O uso correto da cromopuntura pode, não importa quão profundo o problema está no subconsciente, trabalhá-lo e até neutralizá-lo sem que seja verbalizado.
Em resumo: Doença não é nada mais que a perda de habilidade das células de vibrar na sua própria frequência. É óbvio, então, que a luz, mantenedora da vida, seja usada como fonte primária, para restabelecer a harmonia das células uma vez que elas se comunicam através de luz, emitem luz e são passíveis de receber infomações através de luz. Isto não significa a eliminação rápida de sintomas, mas temos que encontrar a causa da doença através de um diagnóstico preciso e a aplicação correta de cores. A cromopuntura pode tanto ser aplicada como terapia principal, como também como terapia complementar, sendo que ela é um meio ideal para a profilaxia, a prevenção de doenças.

Texto de Elisabeth Eva Monogios

sábado, fevereiro 06, 2010

Acupuntura X Cromopuntura

Querida Thais, tudo bem?
Me diz uma coisa, a acupuntura facial age igualmente como a cromopuntura? Sei a diferença entre as duas técnicas...Só não sei a ação em si no que se refere a estética, entende?
Iniciei um tratamento facial para atenuar olheiras e linhas de expressão, estou na 6ª sessão, mas, não vi mudanças ainda.
Sei por avaliação de outro acupunturista que estive com outros comprometimentos - coluna, vesícula, rins ... que já foram tratados .


Olá amiga.
Cada técnica tem uma forma de ação e como vc conhece as técnicas também sabe que terapias holisticas olham o ser como um todo, assim, atenuar rugas não depende somente de uma aplicação local, mas de um tratamento conjunto para trabalhar o ser em seu todo fisico emocional, mental, espiritual e não adianta tratar orgãos isoladamente, se vc não acompanhar o tratamento com auto-conhecimento, meditação, mudança alimentar, de hábitos, etc.
E tudo tem um desenvolvimento- a doença é um processo, a cura também, também há que considerar a interação paciente terapeuta que deve ser interativa para resultar em cura, e finalmente é possivel que uma determinada tecnica funcione para alguns e para outros não - cerca de 10 a 15% dos pacientes não obem resposta com acupuntura, o que não significa que acupuntura não seja uma boa técnica que tem seus grandes méritos por sinal, assim como a cromopuntura.
Portanto, acho que vc pensa de uma forma pontual para analisar um fenomeno holográfico. Cada caso é único, cada ser é único. Considere isso. Luz!!! Thais

segunda-feira, dezembro 21, 2009



"Minha Divina Presença"
integrando corpo-mente-espirito.
O segredo da vitalidade permanente está no comando que podemos ter sobre nós mesmos e nosso corpo. Nesta vivência você será conduzido a aliviar o stress, as tensões, equilibrando seu campo energético - fisico emocional e mental para criar uma nova realidade conquistando o silêncio e a paz interior. Um presente dos Mestres para a humanidade planetária, a caminho da libertação.

focalizadoras:
Celma Coji - psicóloga, terapeuta corporal bioenergética, cromopuntura, relaxamento e meditação;
Thais Campiglia – artista, medicina integral, aconselhamento, florais, acupuntura e cromopuntura.

dia - sábado 12/12/2009 das 15 as 17 horas
local - Escola Internacional de Terapias Complementares e Estética do Brasil Luciana Marques
rua Embuaçu, 625 sala 2 - Vila Mariana (metro Imigrantes) fones: 2478 8165 e 98845187

dia - sábado 19/12/2009 das 15 as 17 horas
local- Fraternidade Pax Universal av. Braz Leme, 1353 - Santana - São Paulo
fones: 2236 2726 e 2236 0244

seja bem vindo!

Você já conhece a Caneta Cristal® ?
Aqui você pode encontrar informações sobre a Caneta Cristal ® sua manufatura, como adquirir, e mais explicações sobre métodos de aplicação em Cromopuntura bem como notícias sobre novas tecnicas terapeuticas para conjugar com a Cromoterapia. Obrigada pela sua visita!

Para adquirir uma Caneta Cristal® ou para qualquer outra informação escreva para thais.campiglia@gmail.com

se quiser falar comigo acrescente meu endereço no MSN ou Skype thais.campiglia@hotmail.com

Grata pela sua visita e Luz para vc! Thais Campiglia